Transexual de 15 anos lança livro para ajudar outros adolescentes

0
DETRAN VERÃO 21 Publicidade EMPÓRIO MARCENARIA
J. Regionalidades vc por dentro de tudo Publicidade Detran carnaval Publicidade Agência Solução
SESA Aedes Aegipty Publicidade CORONAVÍRUS - SESA Publicidade CAMPANHA VACINAÇÃO GRIPE Publicidade Publicidade Publicidade MAIO AMARELO 2020 Publicidade EMPATIA NO TRÂNSITO Publicidade EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO JULHO/2020 Publicidade DENGUE NOV/2020 Publicidade BEBIDA E DIREÇÃO DEZ2020 Publicidade

Jazz Jennings nasceu na Flórida (EUA) e hoje está com 15 anos. Sua história inclui drama e luta contra o preconceito. Ela foi diagnosticada com transtorno de identidade de gênero quando tinha apenas 3 anos.  Apesar da sua aparência muito feminina, ela diz como tem sido difícil lidar com isso desde quando seu corpo começou a mudar. Jazz nasceu menino, mas ela passou a se vestir de menina desde cedo.27052c69-12f6-4b09-8e72-58a4a6759f3d[1]

Quando ficou mais velha, ela não quis revelar seu nome de nascimento e jogou limpo quanto a seu interesse por alguns meninos da escola. Disse que a maioria não fala com ela e alguns ainda a chamam de “ele”. “Muitos me tratam como homem só para me hostilizar, mas aprendi a tirar de letra em algumas situações. Em outras, quando me atacam pela web, por exemplo, eu sofro demais”, desabafa.

Publicidade Publicidade

Ela tem mais de 278 mil seguidores no Instagram. Recebe propostas de namoro e até de casamento, mas ainda não achou um grande amor.  As pessoas pelas quais se interessa a deixaram com um sentimento de vazio ou desistem de namorá-la quando descobrem que ela é transexual. Ela escreveu um livro, chamado Eu Sou Jazz, e fundou uma instituição de caridade para pessoas que enfrentam e vivem a mesma situação. Ela planeja fazer a mudança de sexo quando completar 18 anos!

“A parte mais difícil de ser transgênero é ter a genitália masculina. Isso me lembra que eu não nasci em um corpo feminino”, afirma a garota.

Comentários no Facebook