O tênis de mesa foi inserido nas aulas de Educação Física dos estudantes da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Elvira Barros, em Afonso Cláudio. A iniciativa deu tão certo que um campeonato da modalidade foi realizado, durante os recreios, promovendo interação entre alunos e professores da unidade escolar.

A iniciativa de trabalhar a modalidade na escola foi da professora Adriana Nogueira. “O tênis de mesa ou pingue-pongue é um esporte fácil de jogar e de baixo impacto, que traz múltiplos benefícios para seus participantes. Dentre esses benefícios eu destacaria a melhoria da coordenação motora, no fortalecimento dos ossos e no desenvolvimento muscular; os movimentos repetitivos e multidirecionais promovem a agilidade e flexibilidade. Também trabalha partes do cérebro responsáveis pelo movimento, habilidades motoras e estratégias”, disse.

Publicidade Publicidade

O tênis de mesa, explicou a professora, pode ser jogado por qualquer pessoa, independentemente do tamanho, idade ou sexo. “As regras do jogo são simples e facilitam o aprendizado. É o esporte de raquete mais popular do mundo. Sua capacidade de estimular a agilidade mental faz com que seja uma vantagem para todas as idades”.

Além da parte prática, os alunos aprenderam sobre a modalidade esportiva com aulas teóricas, em sala de aula. E na última semana de outubro foi realizado o 1º Campeonato de Tênis de Mesa. “Os alunos estão fascinados! Com o campeonato tivemos muita interação entre todos os professores e alunos, além do nosso diretor, que sempre apoia e incentiva a prática de esportes”, afirmou Adriana Nogueira.

Para o diretor Allan Dyoni Dehete-Many, “o esporte é um instrumento pedagógico capaz de agregar valor à educação, ao desenvolvimento social e à formação cidadã das crianças e adolescentes”, completou.

Comentários no Facebook