A Secretaria da Saúde (Sesa), por meio da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), atualizou, nesta quarta-feira (08), as recomendações para a aplicação da dose de reforço na população que recebeu a dose única da Janssen. A Resolução será publicada ainda nesta semana. 

Ficará válido em todo território capixaba o uso do imunizante Pfizer e AstraZeneca como opção à dose de reforço na indisponibilidade da vacina Janssen (esquema heterólogo) à população de 18 anos a 59 anos que recebeu a dose única no intervalo de cinco meses e de idosos acima dos 60 anos que receberam a dose única no intervalo de três meses (90 dias).

Publicidade Publicidade

A definição é uma estratégia estadual em virtude do longo tempo para resposta por parte do Ministério da Saúde em relação ao envio necessário de doses da Janssen ao Estado para contemplar os 104 mil capixabas que receberam a dose única anteriormente.

A medida está embasada em dados epidemiológicos, evidências científicas e discussões com especialistas da Câmara Técnica Assessora em Imunização e Doenças Transmissíveis no uso do sistema heterólogo entre imunizantes para a vacinação contra o novo Coronavírus (Covid-19).

Entretanto, havendo doses da Janssen disponíveis, o reforço homólogo poderá ser feito para quem tomou a dose única, com exceção das gestantes e puérperas que devem ser imunizadas com a Pfizer. 

Comentários no Facebook