Renato Casagrande é apontado como o melhor governador de 2019, segundo o G1

Portal de Notícias analisa os compromissos de campanha feitos pelos governadores, quando eram candidatos em 2018. O Espírito Santo é o Estado que mais cumpriu as promessas.

0
Foto: Hélio Filho/Secom
EMPÓRIO MARCENARIA
J. Regionalidades vc por dentro de tudo Publicidade Detran carnaval Publicidade Agência Solução
SESA Aedes Aegipty Publicidade CORONAVÍRUS - SESA Publicidade

O Portal de Notícias G1 produziu uma reportagem em que concluiu que, no primeiro ano de mandato (2019), os governadores dos 26 Estados e do Distrito Federal cumpriram 18% das promessas feitas durante a campanha eleitoral de 2018. Pelo resultado da pesquisa do G1, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), com 44,11% das metas cumpridas, foi o melhor governante de 2019.

De acordo com a publicação, o levantamento feito pelo G1 considera os 1.158 compromissos assumidos pelos então candidatos antes de serem eleitos, em 2018. A relação completa por estado está na página especial “As promessas dos políticos”.

Publicidade Publicidade

O G1 levantou todas as promessas de campanha dos candidatos e separou o que pode ser claramente cobrado e medido. Segundo a reportagem, os dados mostram que 18% das promessas foram cumpridas parcialmente durante o primeiro ano de gestão – o que significa que ainda há pendências para que o trabalho seja considerado entregue.

“Já as promessas que ainda não foram cumpridas pelos governos estaduais são 62%. Os compromissos que ainda não puderam ser avaliados chegam a quase 2%. Já as promessas que ainda não foram cumpridas pelos governos estaduais são 62%. Os compromissos que ainda não puderam ser avaliados chegam a quase 2%”, diz a reportagem.

Segundo o G1, Renato Casagrande registrou 34 promessas de campanha no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/ES). Ele teria cumprido 15 dos compromissos, cumpriu “em partes quatro” e teria deixado de cumprir 15 promessas.

Na área da Segurança Pública, destaca o G1, Casagrande cumpriu a promessa de retomar o Programa Estado Presente em Defesa da Vida, mas deixou de cumprir a recriação do Batalhão de Missões Especiais e Rotam, extintas pelo ex-comandante-geral da Polícia Militar, coronel Nylton Rodrigues, e pelo ex-secretário da Segurança Pública, o pernambucano André Garcia, como forma de punir os policiais militares e a sociedade por conta do aquartelamento de fevereiro de 2017.

Na verdade, o BME e a Rotam ainda não foram reativados por conta de entraves burocráticos criados pela própria Polícia Militar, que vem retardando a retomada das duas unidades.

Na mobilidade urbana, o G1 destaca que o governador Renato Casagrande cumpriu outra grande compromisso, que foi a conclusão e a entrega das obras da nova avenida Leitão da Silva, e as rodovias Leste Oeste, José Sette e Alice Coutinho.

Casagrande comentou sobre o resultado do trabalho do G1 e salientou que sua missão é de governar para toda a sociedade capixaba, sobretudo, para as pessoas que mais necessitam:

“Ser considerado o melhor governador do Brasil nos enche de alegria, mas nos mostra, sobretudo, que estamos no caminho certo! Ficamos com 44,11% no levantamento do G1, divulgado recentemente, que mostra que os governadores brasileiros cumpriram 18% das promessas de campanha no primeiro ano de governo. Ao longo de 2019 iniciamos investimentos importantes em várias áreas e vamos evoluir muito até 2022. Nosso objetivo é governar para quem mais precisa e mudar a vida dos capixabas”, salientou o governador.

Veja aqui o que os governadores prometeram e cumpriram.

Ranking dos melhores governadores do Brasil

1. Casagrande – Espírito Santo – 44,11%
2. Wilson Lima – Amazonas – 43,90%
3. Camilo – Ceará – 31,57%
4. Moisés – Santa Catarina – 30,76%
5. Azambuja – Mato Grosso do Sul – 29,16%
6. Belivaldo – Sergipe – 25,92%
7. Caiado – Goiás –  23,80%
8. Eduardo Leite – Rio Grande do Sul – 23,52%
9. João Doria – São Paulo – 22,97%
10. Flávio Dino – Maranhão – 22,41%
11. Ibaneis – Distrito Federal – 21,42%
12. Wellington – Piauí – 20,75%
13. Câmara – Pernambuco – 20,00%
14. Barbalho – Pará – 18,00%
15. Ratinho – Paraná – 17,42%
16. Carlesse – Tocantins – 17,24%
17. Marcos Rocha – Rondônia – 15,38%
18. Rui Costa – Bahia – 13,19%
19. Fátima – Rio Grande do Norte – 13,20%
20. Renan Filho – Alagoas – 12,82%
21. Witzel – Rio de Janeiro – 12,06%
22. João Azevedo – Paraíba – 12,04%
23. Mauro Mendes – Mato Grosso – 11,11%
24. Denarium – Roraima – 9,75%
25. Waldez –Amapá –  8,33%
26. Zema – Minas Gerais –  7,14%
27. Gladson – Acre – 5,88%

Comentários no Facebook