O “Escola Sirius para Professores do Ensino Médio” reunirá docentes de física de todo país em janeiro de 2020.

A professora de Física, Wanessa Santos Santana, da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Armando Barbosa Quitiba, em Sooretama, foi selecionada para participar do evento “Escola Sirius para Professores do Ensino Médio (ESPEM)”, que reunirá docentes de física de todo país, entre 20 e 24 de janeiro de 2020, em São Paulo.

Publicidade Publicidade

A conquista foi devido ao êxito de um projeto de pesquisa por investigação, realizado com alunos do Ensino Médio, e pela classificação em 3º lugar, da pesquisa “A Grande Contribuição do Brasil e a Teoria da Relatividade Geral”, apresentada na II Mostra Estadual de Astronomia, Astrofísica, Astronáutica e Cosmologia 2019. “Todo conhecimento que vou adquirir na Escola Sirius levarei para meus alunos. É uma ótima oportunidade de conhecer e repassar novas ideias”, disse Wanessa Santos.

Pesquisa por investigação

Junto com a professora selecionada para o evento em São Paulo, seis estudantes da Rede Estadual pesquisaram sobre aplicativos, jogos e séries na área de astronomia, que se expandiram em mais estudos sobre ‘Relatividade Geral’, ‘Energia Escura’ e “A Grande Contribuição do Brasil e a Teoria da Relatividade Geral”, sendo esse último classificado em 3º lugar na II Mostra Estadual de Astronomia, Astrofísica, Astronáutica e Cosmologia.

Escola Sirius

Com duração de cinco dias, o Escola Sirius para Professores do Ensino Médio contará com aulas expositivas, demonstrações computacionais e experimentais, visita à nova fonte de luz síncrotron brasileira, situada no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas, e aos Laboratórios Nacionais do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Além das discussões com os cientistas, os professores também terão contato e trocas de experiências com outros professores de todo o Brasil.

 

Texto: Soraia Camata

 

Comentários no Facebook