MPES adere à Campanha “Sinal Vermelho para a Violência Doméstica”

0
EMPÓRIO MARCENARIA
J. Regionalidades vc por dentro de tudo Publicidade Detran carnaval Publicidade Agência Solução
SESA Aedes Aegipty Publicidade CORONAVÍRUS - SESA Publicidade CAMPANHA VACINAÇÃO GRIPE Publicidade Publicidade Publicidade MAIO AMARELO 2020 Publicidade EMPATIA NO TRÂNSITO Publicidade EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO JULHO/2020 Publicidade DENGUE NOV/2020 Publicidade BEBIDA E DIREÇÃO DEZ2020 Publicidade

A mobilização orienta as mulheres que se encontram em situação de violência doméstica a se dirigir às farmácias cadastradas para pedir socorro por meio de um “X” desenhado na mão.

Durante o isolamento social, em meio à pandemia da Covid-19, a violência doméstica contra as mulheres aumentou consideravelmente. Por isso, o Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES) uniu-se ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e à Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) em prol da campanha “Sinal Vermelho para a Violência Doméstica”, que busca incentivar que mulheres em situação de violência denunciem os agressores durante o período de isolamento social.

Publicidade Publicidade

A campanha lembra que mulheres que se encontram em situação de violência doméstica se dirijam a farmácias cadastradas e peçam socorro por meio de um “X” desenhado na mão. Atendentes e farmacêuticos de milhares de estabelecimentos em todo o Brasil foram orientados a acolher as cidadãs e chamar a polícia quando o alerta for identificado. Isso porque muitas vítimas estão com dificuldade de denunciar o agressor ou de buscar ajuda, porque estão o tempo todo em sua companhia.

Clique aqui e confira a cartilha

Comentários no Facebook