source
Ministério Público investiga pacientes de Covid-19 amarrados no interior do AM
Reprodução

Ministério Público investiga pacientes de Covid-19 amarrados no interior do AM

O Ministério Público do  Amazonas  cobrou explicações da prefeitura de Parintins, cidade no interior do estado, sobre os motivos que fizeram  pacientes com Covid-19 serem amarrados à maca com gaze no hospital da cidade.

Publicidade Publicidade

Um vídeo obtido pela TV Globo mostra quatro pacientes intubados do hospital Dr. Jofre Matos Cohen com os braços presos às suas camas. As imagens foram gravadas na noite do último sábado (20), por uma funcionária do local. 

Segundo a reportagem, o motivo para prender os pacientes seria porque os sedativos do hospital haviam acabado. Após a reportagem, o promotor Marcelo Bitarães de Souza Barros enviou ofício à Secretaria de Saúde do município questionando sobre por que os pacientes foram amarrados e qual médico teria autorizado o procedimento.

A cidade de Parintins não possui leitos de UTI. Apenas Manaus possui leitos em todo o estado, o que ajuda a entender os motivos pelos quais o estado se encontra em uma situação tão complicada em relação à pandemia de Covid-19.

Localizada à beira do rio Amazonas, Parintins tem cerca de 115 mil habitantes e acumula 260 óbitos por Covid-19, atrás apenas de Manaus e de Manacupuru no estado. Os casos confirmados somam 8.313 no município.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários no Facebook