Os torcedores do Flamengo que não puderam viajar para Lima, no Peru, para assistir à final da Copa Libertadores da América, neste sábado (23), entre o Flamengo e o River Plate, da Argentina, poderão fazer uma grande festa no Estádio do Maracanã que disponibilizará uma estrutura com telões para que a disputa seja acompanhada em clima de comemoração.

Além dos quatro telões fixos existentes no estádio, estão sendo montados outros dez telões de LED com 60 metros quadrados para que os torcedores possam acompanhar todos os lances da decisão da Copa Libertadores.

Publicidade Publicidade

Batizado de Final Fun Fest, o evento é organizado pela Dream Factory e pela X3M. O Flamengo não é o organizador do evento, mas fez parceria com as empresas para que os sócios torcedores do clube tenham prioridades na hora de comprar os ingressos. Os organizadores esperam reunir 50 mil pessoas. Os ingressos variam de R$ 30 a R$ 640. A compra pode ser feita na sede do clube na Gávea, na bilheteria 2 do Estádio do Maracanã, das 10 às 17h, inclusive no sábado, e pela internet até as 9h de sábado (23).

Vão se apresentar para esquentar a festa, a cantora Ludmilla, DJ Marlboro, Buchecha, Ivo Meirelles e a MC Poze, que cantará os funks Os Coringa do Flamengo e Tô Voando Alto. Os portões do estádio serão abertos às 14h. Menores de 16 anos devem ir acompanhados de responsáveis. Haverá meia-entrada para pessoas com até 21 anos e estudantes de cursos reconhecidos pelo Ministério da Educação.

Para os torcedores que estarão nas cadeiras e na arquibancada, além dos shows de música ao vivo, comidas e bebidas farão a festa da torcida.

 

Edição: Lílian Beraldo
COMPARTILHAR
Artigo anteriorTorcedores que vão ao Peru devem ficar atentos às regras do país
Próximo artigoBotafogo tem cinco jogos pela frente para evitar o rebaixamento
Elan Costa é jornalista sob o registro MTE 3512/ES, articulista, marqueteiro e consultor político, estudante de direito e vice-presidente da Adjori/ES - Associação dos Jornais do Interior do Espírito Santo - eleito para o biênio 2021-2023. Atuou na Gerência de Jornalismo e Relações Públicas da Prefeitura de Guarapari, trabalhou como Jornalista Correspondente do Jornal A Tribuna, no Noroeste do ES, foi coordenador de comunicação na Câmara Municipal de Santa Teresa, assessor de comunicação na Amunes - Associação dos Municípios do ES -, e assessor político em diversos órgãos. É marqueteiro político, tendo atuado na campanha eleitoral para prefeito, em 2016, para deputado estadual em 2018, e novamente para prefeito e vereadores, em 2020. É fundador e proprietário do Jornal Regionalidades.

Comentários no Facebook