O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou, na manhã desta quinta-feira (08), o recurso pleiteado pela defesa do prefeito de Castelo, Luiz Carlos Piassi (MDB), contra uma decisão que cassou seu mandato e também do vice, Pedro Nunes (PSDB).

De acordo com o TSE, uma nova eleição para prefeito deverá ser convocada nos próximos dias. Já a data ficará a cargo do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TER-ES).

Publicidade Publicidade

Piassi foi considerado inelegível, por isso a chapa havia sido cassada. Em março do ano passado o TER manteve a cassação que foi aplicada em 2017 pelo juiz eleitoral de Castelo.

Confira como votou o Ministro Luiz Roberto Barroso:

Comentários no Facebook