A Secretaria Municipal de Educação de Castelo está concorrendo ao Edital de Emendas Parlamentares 2021/2022 do Deputado Federal Felipe Rigoni com a proposição do projeto Revendo paradigmas e aliando tecnologia e autonomia na construção do conhecimento – Ensino Híbrido – Rotação por estações.

A votação foi aberta na último dia 28 de setembro e se encerra na próxima segunda-feira (11). Para participar basta acessar o app Tem Meu Voto – disponível na Apple Store e Google Play – fazer seu cadastro com dados de acesso e senha.

Publicidade Publicidade

A votação está sendo realizada apenas por meio do aplicativo “Tem Meu Voto”, disponível para aparelhos Android e iOS, e só serão válidos os votos dos perfis que realizarem o cadastro completo. Os projetos serão listados por áreas temáticas e o resultado final será divulgado no dia 12 de outubro, já a verba pleiteada será liberada no orçamento do ano que vem. 

Caso o projeto interposto pela Secretaria de Educação de Castelo for eleito o município deverá receber cerca de R$ 3 milhões em verba. O recurso, segundo informações será aplicado na informatização de pelo menos 10 escolas da zona urbana de Castelo.

Confira o passo-a-passo no vídeo a seguir

O Edital

Lançado em maio, o edital recebeu inscrições de todas as microrregiões do Espírito Santo. Sendo a região Metropolitana a que mais registrou projetos enviados sendo um total de 94. As áreas de Educação registraram 69 projetos enviados, na Assistência Social foram 68. Ambas lideraram o ranking de propostas inscritas.

Puderam participar órgãos públicos e instituições do terceiro setor com atuação no Espírito Santo. 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGoverno do Estado publica Decreto Unificado que facilita abertura de empresas de baixo risco
Próximo artigo‘Raio-x’ do crédito: Bandes traz informações financeiras e operacionais para a sociedade
Elan Costa é jornalista sob o registro MTE 3512/ES, articulista, marqueteiro e consultor político, estudante de direito e vice-presidente da Adjori/ES - Associação dos Jornais do Interior do Espírito Santo - eleito para o biênio 2021-2023. Atuou na Gerência de Jornalismo e Relações Públicas da Prefeitura de Guarapari, trabalhou como Jornalista Correspondente do Jornal A Tribuna, no Noroeste do ES, foi coordenador de comunicação na Câmara Municipal de Santa Teresa, assessor de comunicação na Amunes - Associação dos Municípios do ES -, e assessor político em diversos órgãos. É marqueteiro político, tendo atuado na campanha eleitoral para prefeito, em 2016, para deputado estadual em 2018, e novamente para prefeito e vereadores, em 2020. É fundador e proprietário do Jornal Regionalidades.

Comentários no Facebook