Delegacia de Atendimento e Proteção ao Turista recebe visita do vice-cônsul geral dos Estados Unidos

0

A equipe da Delegacia Especializada de Atendimento e Proteção ao Turista (DEPTur) recebeu na última quinta-feira (09) a visita do vice-cônsul geral dos Estados Unidos, Patrick Cunninghan. O titular da DEPTur, delegado Fabrício Dutra, informou que o vice-cônsul veio, especialmente ao Espírito Santo para conhecer o trabalho da delegacia.

“A preocupação deles no Espírito Santo foi estreitar a relação com a Delegacia Especializada de Atendimento e Proteção ao Turista e saber por onde começa o atendimento a um cidadão norte americano aqui no Estado, além da Polícia Federal. Por isso, ele disponibilizou contatos caso um turista norte americano precise fazer alguma ocorrência ou qualquer alguma assistência”, afirmou Dutra.

Publicidade Publicidade

O delegado explicou ainda que as visitas estão ocorrendo em todos os aeroportos do país para saber como é realizado o atendimento dessas unidades em relação aos turistas. “Aqui no Estado, a vinda do vice–cônsul foi em razão da privatização do aeroporto e da instalação da ala internacional prevista para acontecer no mês de julho. Para nós, a visita foi importante porque podemos conhecer de perto como é o trabalho realizado pela Embaixada Americana e também saber como receber o turista norte americano, em caso de necessidade dos trabalhos da Polícia Civil capixaba”, destacou.

Links úteis aos turistas norte-americanos

https://br.usembassy.gov/pt/

https://travel.state.gov

https://step.state.gov

DEPTur

Situada em um ponto estratégico do segundo andar do novo Aeroporto de Vitória, ao lado da Polícia Federal e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e próximo à Infraero e à sala de embarque, a Delegacia Especializada de Atendimento e Proteção ao Turista chega a registrar, diariamente, cerca de 40 boletins de ocorrência que envolve perda de documento, furtos e roubos e demais crimes de pequeno potencial ofensivo.  “Essa localização permite que a DEPtur tenha todos os elementos necessários para lavrar um BO e atender o cidadão”, finalizou Fabrício Dutra.

Comentários no Facebook