A segunda partida da final vai acontecer neste domingo (24), às 10 horas da manhã, no Estádio Municipal Francisco Lacerda de Aguiar

Adisputa pelo título do Campeonato Municipal de Futebol de Guaçuí começou na noite desta quinta-feira (21), com o primeiro jogo entre as equipes do Guaçuí AC e da Dadalto, que saiu na frente na decisão. O jogo foi realizado no Estádio Municipal Francisco Lacerda de Aguiar, onde também vai acontecer a segunda e decisiva partida, neste domingo (24), às 10 horas da manhã. O campeão da competição, que é organizada pela Superintendência de Esportes, da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (Semcultes), vai receber o troféu “Francisco Aprígio (Chicão)”.

Publicidade Publicidade

Apesar de toda a chuva que insistiu em cair durante a quinta-feira, em Guaçuí, a drenagem do campo do Estádio Municipal, reformado recentemente pela atual administração municipal, mostrou que é muito boa. As equipes puderam fazer um excelente jogo, sem acúmulo de água em qualquer parte do campo que estava um tapete e permitiu que a bola rolasse e a partida terminasse com o placar de 4 a 3 para a Dadalto. “O gramado estava um tapete, o que prova que a drenagem de nosso estádio é referência no estado e isso nos dá certeza que a próxima partida da final vai ser um jogão, neste domingo”, afirma o superintendente de Esportes do município, Marcus Lessa.

E o jogo realmente foi muito animado, com duas viradas. A equipe da Dadalto saiu na frente com David Almeida, mas o Guaçuí AC reagiu e virou a partida, para 2 a 1, com gols de Jonathan e Rafael. Então, foi a vez da Dadalto reagir e empatar o jogo, com outro gol de David Almeida que, com isso, se isolou na artilharia com 9 gols. O GAC voltou a ficar na frente no placar com um gol de Ian, mas a Dadalto empatou mais uma vez, com Carlos Eduardo, e virou no finalzinho da partida, com Ariel, fechando o placar em 4 a 3.

Agora, no domingo, o GAC precisa vencer por dois gols ou mais de diferença, para ficar com o título. Se vencer por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis. No caso de empate, o título fica com a Dadalto que também vai buscar a vitória para garantir a conquista.

A equipe campeã, conforme está previsto no regulamento, vai receber o troféu “Francisco Aprígio (Chicão)”. Além disso, também receberá troféu, o time segundo colocado, além de placas para o artilheiro, jogador revelação, melhor jogador do campeonato, goleiro menos vazado (considerando quem tenha maior números de partidas realizadas na competição) e equipe mais disciplinada (média menor de cartões por partida). Toda premiação oferecida pela Prefeitura de Guaçuí.

Comentários no Facebook