Cachoeiro de Itapemirim realiza, nesta sexta-feira (22), a sua III Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional. Será a partir das 7h, no auditório “Sanzio Cicatelli”, do Centro Universitário São Camilo, bairro Paraíso. Entre os presentes, estarão representantes do poder público, do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (Consean) e de organizações sociais.

Para participar, basta comparecer. As inscrições serão feitas no local, das 7h às 8h, sendo que a programação começará às 8h40, com atividades, especialmente, voltadas para setores públicos; entidades; agricultores; povos e comunidades tradicionais; pessoas atendidas pelas políticas públicas de segurança alimentar e estudantes que atuam na área.

Publicidade Publicidade

Intitulada “Chega de violação, queremos a garantia e o direito à alimentação adequada”, a conferência magna será ministrada pelo palestrante José Arcanjo Nunes, engenheiro agrônomo e doutor em Produção Vegetal, pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), com participação do presidente do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, Wesley Mendes.

Às 11h10, terão início as atividades dos grupos de trabalho, para construção de propostas no âmbito dos três eixos em discussão.

No primeiro, será debatido sobre: Direitos Humanos: direito à alimentação digna e saudável e os desafios para a soberania alimentar e a comida de verdade; a Violação dos direitos humanos e a soberania alimentar e nutricional como direito constitucional; e a Violação dos direitos humanos e a soberania alimentar e nutricional para população negra e para os povos e comunidades tradicionais no Espírito Santo.

O segundo eixo falará sobre: Sistema Estadual Segurança Alimentar e Nutricional: até onde chegamos e para onde queremos ir; o Papel e a importância dos Conselhos Municipal e Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional, das Câmaras Intersetoriais de Segurança Alimentar e Nutricional, municipais e estaduais; e das Conferências municipais, regionais e estaduais para o desenvolvimento da Política de Segurança Alimentar e Nutricional.

Já o último eixo debaterá estratégias para avançar na agenda de Segurança Alimentar e Nutricional e na mobilização da sociedade capixaba.

Na plenária final, serão apresentadas propostas para o município, a serem encaminhadas ao Estado e à União, sugerindo ações e caminhos para garantia e o fortalecimento da política pública de segurança alimentar e nutricional. Por fim, haverá a eleição dos delegados para a 6ª Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional.

“A conferência é o espaço em que órgãos governamentais e da sociedade civil têm a oportunidade de debater e propor caminhos para garantir e fortalecer as políticas públicas de segurança alimentar e nutricional do nosso município. Contamos com a participação ativa de todos os envolvidos”, ressalta a secretária de Desenvolvimento Social de Cachoeiro, Maria Aparecida Stulzer.

Programação

Local: Auditório Sanzio Cicatelli, no Centro Universitário São Camilo, rua São Camilo de Lélis, 01 – Paraíso

Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019
7h – 8h: Credenciamento, café da manhã, Leitura e Aprovação do Regimento Interno
8h40 – Abertura Oficial
9h40 – Conferência Magna: “Chega de violação, queremos a garantia e o direito à alimentação adequada”
Palestrante: José Arcanjo Nunes, engenheiro agrônomo e doutor em Produção Vegetal pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes)
10h20 – Debate
11h10 – Instalação dos Grupos de Trabalho
EIXO I – Direitos Humanos: Direitos Humanos: direito à alimentação digna e saudável e os desafios para a soberania alimentar e a comida de verdade; a Violação dos direitos humanos e a soberania alimentar e nutricional como direito constitucional; e a Violação dos direitos humanos e a soberania alimentar e nutricional para população negra e para os povos e comunidades tradicionais no Espírito Santo;
EIXO II – Sistema Estadual Segurança Alimentar e Nutricional: até onde chegamos e para onde queremos ir; o Papel e a importância dos Conselhos Municipal e Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional; das Câmaras Intersetoriais de Segurança Alimentar e Nutricional, municipais e estaduais; e das Conferências municipais, regionais e estaduais para o desenvolvimento da Política de Segurança Alimentar e Nutricional;
EIXO III – Estratégias para avançar na agenda de Segurança Alimentar e Nutricional e na mobilização da sociedade capixaba.
12h – Almoço
15h – Instalação da Plenária Final para análise, discussão e aprovação das propostas dos grupos
16h – Eleição dos Delegados à 6ª Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional
17h – Encerramento

Comentários no Facebook