Comércio de Castelo volta a funcionar com horário restringido e novas regras contra Covid-19

0
Foto: Reprodução
EMPÓRIO MARCENARIA
J. Regionalidades vc por dentro de tudo Publicidade Detran carnaval Publicidade Agência Solução
SESA Aedes Aegipty Publicidade CORONAVÍRUS - SESA Publicidade CAMPANHA VACINAÇÃO GRIPE Publicidade Publicidade Publicidade

O Governo do Estado resolveu no sábado, dia 18, flexibilizar para alguns municípios o retorno do funcionamento do comércio, depois de classificar o risco de cada cidade com relação à pandemia de coronavírus.

Castelo foi classificado como risco Baixo e o comércio no município está autorizado a funcionar a partir de quarta-feira, dia 22.

Publicidade Publicidade

O comércio, que estava funcionando apenas naqueles setores considerados essenciais, volta à atividade em Castelo, mas sob determinadas regras anunciadas na tarde de sábado pelo governador Renato Casagrande.

Confira as medidas que devem ser adotadas:

• Funcionamento das 10 às 17 horas;

•Adoção de medidas de segurança para funcionários, com uso de máscara e disponibilização de álcool gel;

•Observação de distanciamento social em filas;

•As lojas deverão atender ao público obedecendo a regra de uma pessoa para cada 10 m2 de área do estabelecimento. Em galerias e centros comerciais esta regra é mais rígida: uma pessoa para cada 14 m² de área.

O Governo do Estado divulgou ontem um Mapa de Gestão de Risco, onde aparece a classificação de cada município capixaba, dividida nas categorias de risco Baixo, Moderado e Alto. Castelo está na melhor classificação, com risco Baixo.

No Estado, são considerados de risco Alto os municípios de Alfredo Chaves, Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica e Viana. Nestes municípios, só continua funcionando o comércio considerado essencial, como farmácias, padarias, supermercados, lojas de alimentos, postos de combustíveis, distribuidoras de gás e água, entre outros.

Em risco Moderado foram classificados os municípios de Anchieta, Domingos Martins, Fundão, Guarapari, Iconha, Marechal Floriano, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina e Vargem Alta.

“É importante que os lojistas cumpram as determinações que estão no decreto para que possamos continuar na classificação de risco Baixo. Peço a colaboração de todos neste momento tão difícil e delicado”, solicitou o Prefeito, Domingos Fracaroli.

 

Fonte: Comunicação PMC

Comentários no Facebook