Cadastro para Cartão Reconstrução será realizado até 30 de junho

0
EMPÓRIO MARCENARIA
J. Regionalidades vc por dentro de tudo Publicidade Detran carnaval Publicidade Agência Solução
SESA Aedes Aegipty Publicidade CORONAVÍRUS - SESA Publicidade CAMPANHA VACINAÇÃO GRIPE Publicidade Publicidade Publicidade MAIO AMARELO 2020 Publicidade EMPATIA NO TRÂNSITO Publicidade EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO JULHO/2020 Publicidade DENGUE NOV/2020 Publicidade BEBIDA E DIREÇÃO DEZ2020 Publicidade

Termina, no dia 30 deste mês, o prazo para solicitação do Cartão Reconstrução ES. Têm direito a requerer o auxílio de R$ 3 mil, que é concedido pelo governo estadual, as famílias de Cachoeiro com renda de até três salários mínimos que tiveram imóveis atingidos pela enchente do início deste ano.

O atendimento é realizado na sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes), na Ilha da Luz (rua Joubert Alves Ayub, 48/50), de segunda a sexta (exceto feriados), das 8h às 14h.

Publicidade Publicidade

Para o cadastro, as famílias devem estar inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) e apresentar documento oficial emitido pela Defesa Civil ou pelo Corpo de Bombeiros que comprove os danos nos imóveis atingidos, além de documentos pessoais de todos os membros da família.

As que se enquadram no perfil de renda do programa, mas não estão no Cadastro Único, devem se inscrever até segunda-feira (15), das 8h às 14h, na escola municipal Zilma Coelho Pinto, no bairro Ferroviários, ou nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) do município.

Para isso, é necessário apresentar documentos originais de todos os membros da família que moram na mesma residência, incluindo: comprovante de residência (mês atual ou anterior); certidão de nascimento ou casamento; CPF (a partir de 16 anos); título de eleitor (a partir de 18 anos); carteira de trabalho e comprovante de renda (contracheque, extrato de aposentadoria, extrato de seguro-desemprego ou extrato de recebimento de pensão).

A secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra, destaca que 530 famílias de Cachoeiro já receberam o auxílio, que está sendo liberado por etapas.

“É uma assistência importante que as famílias estão recebendo. Com os recursos, elas podem recuperar prejuízos que tiveram com a enchente, comprando material de construção para reformas, além de móveis e eletrodomésticos. Quem tem direito ao auxílio e ainda não fez a solicitação deve se atentar aos prazos e documentos necessários”, frisa.

Comentários no Facebook