O cartão de crédito, o crédito consignado e o empréstimo pessoal são os grandes vilões do endividamento em Vitória, segundo o Procon. Diante da realidade de muitas famílias da capital capixaba, um mutirão será realizado para negociação e quitação de débitos.

As renegociações acontecem entre 14 e 18 de junho, na Casa do Cidadão, das 9 às 18 horas. No entanto, o cadastramento para quem deseja quitar as dívidas no Mutirão de Desconto Real Procon Vitória já está aberto e vai até a próxima sexta-feira (11).

Publicidade Publicidade

“Sabemos que a pandemia da Covid-19 acentuou a precarização das relações de trabalho, impactou o número de vagas ofertadas pelo mercado, contribuiu com o aumento de desempregados, e tudo isso fez com que a renda das famílias sofresse uma diminuição expressiva. Atentos a essas situações, daremos início ao primeiro mutirão de renegociação de dívidas da cidade. Queremos dar às pessoas a oportunidade de voltar ao mercado de consumo, regularizar o nome e ter mais tranquilidade no dia a dia”, afirmou o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini.

Agendamento

A gerente do Procon de Vitória, Denize Izaita, antecipa que, para participar, é necessário fazer agendamento online no site da Prefeitura de Vitória (Categoria Procon > Serviço Procon) ou no aplicativo “Procon Vitória”, Dessa forma, os consumidores serão atendidos por horário, evitando qualquer tipo de aglomeração. Para se cadastrar no APP, é necessário fazer uma atualização do mesmo.

Serão oferecidos 336 agendamentos, distribuídos em nove empresas de telefonia, telecomunicações e instituições bancárias participantes: Vivo, Oi, Sky, Claro, Cesan, Banestes, Caixa Econômica, Bradesco e EDP.

“Só poderão participar do mutirão as pessoas previamente agendadas, para que seja respeitado todo o protocolo de prevenção à Covid-19. Por mais que o nome seja ‘mutirão’, vamos manter o distanciamento necessário, além do uso obrigatório de máscaras e a desinfecção na entrada e nos guichês com álcool 70%”, destacou Denize.

Ao agendar a participação, é necessário que o consumidor selecione com qual empresa precisa negociar, além de informar corretamente todos os documentos. Só serão atendidos consumidores que residam em Vitória, havendo necessidade de apresentar comprovante de residência, RG ou documento oficial com foto, CPF e, caso tenha, algum comprovante do débito.

O Mutirão Desconto Real Procon Vitória contará com guichês representativos de cada empresa, onde o consumidor poderá apresentar sua dívida e negociar da melhor forma a liquidez da mesma. A proposta de reunir várias empresas é facilitar que o consumidor liquide sua dívida.

Dados

Segundo a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo, a Fecomércio, o endividamento das famílias em Vitória em 59,07% no mês de maio, sendo 1,9% menor em março. Em relação ao mesmo mês de 2020, ficou 11 pontos menor. A inadimplência foi de 34% em 2020 e 37% em 2019.

O percentual de endividados em abril foi de 59,7%, menor que em abril do ano passado, com 71,3%. Já os inadimplentes em abril de 2021 representavam 25,0%, menor também do que abril de 2020, com 34,2%.

Cerca de 33 mil famílias com, pelo menos, uma conta em atraso (10,4%) não tiveram condições de pagar em abril de 2021. O índice no mesmo período do ano passado era de 18,5% (13.843 famílias).

Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas de Vitória (CDL/Vitória), em abril de 2021, havia 750.448 pessoas com registro de inadimplência em todo o Estado, sendo 58,76% do sexo feminino e 41,24% do masculino. E a faixa etária com maior número de inclusões no SPC é dos 50 aos 64 anos, com 26,57%.

“Estar endividado é uma situação que pode mudar e, para isso, o consumidor tem que procurar ajuda. É o que nós, do Procon Vitória, estamos buscando com esse mutirão. Destacamos que as empresas participantes se comprometeram a ofertar as melhores condições possíveis nas negociações das dívidas apresentadas”, declarou Denize.

Comentários no Facebook