Prédio no Basileia receberá obras de adequação para receber o equipamento de segurança alimentar
Foto: Márcia Leal/PMCI

O Banco de Alimentos de Cachoeiro será modernizado e ganhará uma nova sede. Localizada atualmente no bairro Aeroporto, a unidade responsável pela distribuição de alimentos a famílias em situação de vulnerabilidade social e a entidades sociais do município será transferida para o bairro Basiléia, no prédio construído, há anos, para ser um Restaurante Popular.

Publicidade Publicidade

A ordem de serviço para o início das obras de adequação do espaço foi assinada na manhã desta quarta-feira (24), em cerimônia no local, com presença do prefeito Victor Coelho, da secretária de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra, e outras autoridades municipais.

“É um dia marcante para nossa cidade, porque estamos começando o trabalho para colocar este espaço público em funcionamento. Transformá-lo na nova sede do Banco de Alimentos de Cachoeiro, que já é uma referência no Estado, será um grande avanço para a política de segurança alimentar do município”, ressaltou o prefeito Victor Coelho.

No novo espaço, que conta com mais de 770 m² – três vezes maior que a unidade atual -, além de um Banco de Alimentos com instalações mais modernas, funcionarão uma padaria comunitária (hoje localizada na Ilha da Luz), área para produção de alimentos minimamente processados e setores administrativos.

As obras, que começarão nos próximos dias, serão realizadas por empresa contratada, sob fiscalização da Secretaria Municipal de Obras (Semo). A previsão de conclusão é de 180 dias. O investimento total será de cerca de R$ 527 mil, com recursos federais e municipais.

A secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra, explica que a mudança de endereço, além da ampliação do espaço, estende, também, a possibilidade de ampliação do atendimento.

“O novo endereço do Banco de Alimentos facilitará o contato com as entidades e famílias atendidas pelo setor. Além de centralizar os serviços, haverá a possibilidade do aumento de atendimento e abrangência da segurança alimentar e nutricional em Cachoeiro”, completa.

O presidente do Conselho Municipal de Segurança Alimentar, Wesley Mendes, também destaca que a ampliação do Banco será fundamental para aumentar o número de beneficiários. “Hoje, mais de 600 famílias já recebem a cesta verde, com diversos tipos de vegetais”, pontua.

Referência estadual

O Banco de Alimentos da Prefeitura de Cachoeiro, único na região Sul do Espírito Santo, é referência estadual na promoção de Segurança Alimentar e Nutricional. O equipamento é um centro de arrecadação e distribuição de alimentos, que chegam, principalmente, por meio de doações e, também, por meio de programas de compras governamentais de produtos da agricultura familiar, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Na unidade, trabalha uma equipe de profissionais que conta com nutricionista – que faz a supervisão e aprovação dos alimentos recebidos -, coordenador, assistente social, agentes de serviços públicos municipais, auxiliares de serviços gerais e motorista.

Os alimentos recebidos são selecionados, armazenados e distribuídos de acordo com as Boas Práticas de Manipulação de Alimentos. Eles complementam a alimentação de famílias em situação de vulnerabilidade social e dos usuários de entidades socioassistenciais do município. São atendidas, mensalmente, 18 organizações sociais e, também, 600 famílias referenciadas pelas políticas de assistência social básica e especial.

A atual sede da unidade fica na rua Moisés Campos Pancini, no bairro Aeroporto, ao lado do Aeroporto Municipal e da Polícia Ambiental. Caso algum morador precise tirar dúvidas ou solicitar informações, basta ligar para o telefone (28) 3521-9114.

Comentários no Facebook