Cascalhos de rocha, madeira e cobre se misturam na exposição “Da rua para o Palácio”, que está em cartaz na Sala Levino Fanzeres, no Palácio Bernardino Monteiro, Centro.

A mostra é assinada por Felipe Mansini, um artista de 36 anos que, para compor seus trabalhos manuais, usa materiais que encontra na beira do Rio Itapemirim e no Parque Municipal do Itabira, combinados com fios de cobre.

Publicidade Publicidade

Dessa combinação surgem figuras diversas, como um senhor que entrega balões a um menino, animais, árvores, seres que parecem extraídos de filmes de ficção científica, um violinista, dentre outras peças.

O nome da mostra se deve ao fato de que o artista expõe seus trabalhos, normalmente, em espaços públicos da cidade.

Apaixonado por arte e por natureza, Mansini conta que essa é sua segunda exposição, apesar de se dedicar ao ofício desde os 13 anos.

“Já perdi a conta de quantos trabalhos fiz. A maior parte, cerca de 98%, eu vendo, mas guardo alguns comigo e presenteio”, ressalta, lembrando que as peças sempre levam um pouco dele e dos lugares por onde andou.

Na Sala Levino Fanzeres, as obras seguem para apreciação pública até o dia 27 deste mês, com entrada franca. Pode ser conferida de segunda a sexta-feira (exceto em feriados e pontos facultativos), das 9h às 18h.

Visite a exposição!
“Da rua para o Palácio”
Data: até 27 de dezembro
Horário: 9h às 18h
Entrada: franca.

Comentários no Facebook