A equipe do “Arquivo Itinerante”, do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo (APEES), estará presente no município de Venda Nova do Imigrante, neste domingo (12), na “VII Missa em Língua Italiana”. Na ocasião, os moradores poderão pesquisar sobre seus antepassados e obter o “Registro de Entrada do Imigrante”, documento que traz os dados catalogados para cada membro das famílias que colonizaram o Estado, permitindo que os descendentes conheçam um pouco mais as suas origens e história. O atendimento ocorrerá às 9h no estacionamento da Igreja Matriz São Pedro Apóstolo.

 Projeto Imigrantes

Publicidade Publicidade

O Projeto “Imigrantes Espírito Santo” foi criado pelo Arquivo Público em 1995. Os dados referem-se a imigrantes provenientes de diversas nacionalidades, como Itália, Alemanha, Espanha, Líbano, Portugal e Polônia, que chegaram ao Espírito Santo a partir de 1812. A consulta pelo sobrenome está disponível na Internet no seguinte endereço: http://www.ape.es.gov.br/imigrantes.

O “Arquivo Itinerante” – que dispõe de um veículo adaptado como escritório móvel para atendimento ao público – percorre o interior do Estado a fim de viabilizar o acesso àqueles que não podem pesquisar diretamente no APEES ou na Internet. As ações ocorrem principalmente em eventos culturais organizados pelos descendentes de imigrantes nos municípios capixabas.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorEscola de Cachoeiro faz passeata em combate ao bullying
Próximo artigoEx Paciente Oncológica dá a luz no Hospital Evangélico
Elan Costa
Elan Costa é jornalista sob o registro MTE 3512/ES, articulista, marqueteiro político e estudante de direito. Atuou na Gerência de Jornalismo e Relações Públicas da Prefeitura de Guarapari, trabalhou como Jornalista Correspondente do Jornal A Tribuna, no Noroeste do ES, foi coordenador de comunicação na Câmara Municipal de Santa Teresa, assessor de comunicação na Amunes - Associação dos Municípios do ES -, e assessor político em diversos órgãos. É marqueteiro político, tendo atuado na campanha eleitoral para prefeito, em 2016, para deputado estadual em 2018, e novamente para prefeito e vereadores, em 2020. É fundador e proprietário do Jornal Regionalidades.

Comentários no Facebook