A prefeitura de Castelo iniciou o mês de abril com uma intensa mobilização da Secretaria de Serviços Urbanos e Defesa Civil do município para a reorganização e limpeza das zonas urbana e  rural que sofreram estragos após a forte tempestade que veio fechando o mês de março no início da noite dessa quarta-feira (31).

De acordo com a Defesa Civil do município foram registrados vários pontos de alagamentos, além de quedas de árvores. Também há registros de destelhamentos, queda de postes, entre outros.

Publicidade Publicidade

>> Tempestade provoca apagão e queda de árvores em Castelo

O prefeito João Paulo Nali (PTB) destacou os trabalhos realizados pela secretaria e defesa civil em conjunto com o Corpo de Bombeiros e frisou a importância da poda de árvores e manutenção da urbanização do município. “Vivenciamos uma tempestade assustadora em nossa cidade, com quedas de árvores, postes e telhados. Logo após a estiagem, ainda na noite dessa quarta-feira, o município de Castelo, por meio da Defesa Civil, Secretaria de Serviços Urbanos e o Corpo de Bombeiros isolaram as áreas de risco e iniciaram os trabalhos de desobstrução e limpeza dos estragos causados. Tempestades como essa mostram a importância do trabalho de podas regulares das árvores para evitar quedas durante as fortes chuvas, bem como, os consequentes prejuízos e tragédias delas decorrentes”.

Com a força do vento uma árvore caiu e obstruiu totalmente a Avenida Scandar Nemer, na Beira Rio. Pontos da cidade que foram alagados precisou de atenção redobrada dos servidores da prefeitura para limpeza dos locais.

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSaúde apura denúncia sobre qualidade da água
Próximo artigoFila por leitos de Covid-19 no estado do Rio de Janeiro cresce e está em 1.033
Elan Costa
Elan Costa é jornalista sob o registro MTE 3512/ES, articulista, marqueteiro político e estudante de direito. Atuou na Gerência de Jornalismo e Relações Públicas da Prefeitura de Guarapari, trabalhou como Jornalista Correspondente do Jornal A Tribuna, no Noroeste do ES, foi coordenador de comunicação na Câmara Municipal de Santa Teresa, assessor de comunicação na Amunes - Associação dos Municípios do ES -, e assessor político em diversos órgãos. É marqueteiro político, tendo atuado na campanha eleitoral para prefeito, em 2016, para deputado estadual em 2018, e novamente para prefeito e vereadores, em 2020. É fundador e proprietário do Jornal Regionalidades.

Comentários no Facebook