Festa de Corpus Christi é tema na Cultura

Secretário de turismo de Castelo explicou ao colegiado da Ales os preparativos para a confecção de tapetes, que envolve 3 mil voluntários

0
Segundo Nino Claure (c), o evento realizado em Castelo é a 10ª maior festa católica do país / Foto: Tati Beling

A tradicional festa de Corpus Christi do município de Castelo foi tema da reunião da Comissão de Cultura e Comunicação Social nesta segunda-feira (10), no Plenário Judith Leão Castello Ribeiro.

O secretário de Turismo de Castelo, Nino do Val Claure, e o vereador Warlen Bortoli foram convidados para falar sobre a 56° edição do evento, que acontece nos dias 19 e 20 de junho, no centro da cidade.  A programação está disponível no site da Prefeitura.

Publicidade

De acordo com o secretário, a festa, que acontece na sede de Castelo, é a 10° maior festa católica do país e é realizada pela Paróquia Nossa Senhora da Penha em conjunto com a Prefeitura. O evento com a participação de três mil voluntários de todo o município.

Claure explicou que o planejamento, começa com um ano de antecedência. São 20 paróquias envolvidas no trabalho, que tem auxílio de artistas plásticos que idealizam os quadros a serem desenhados pelos voluntários.

Os tapetes têm 2 mil metros e cerca de 80 mil turistas passam pelas ruas do município para apreciar a arte que, segundo Claure, começou com as freiras que atuavam no hospital municipal e que, por ocasião da data de Corpus Christi, faziam a decoração com folhas em frente à capela que fica na área do hospital. Corpus Christi refere-se à celebração pelos católicos da instituição do sacramento da eucaristia e, de acordo com calendário litúrgico, ocorre em uma quinta-feira, em data móvel.

Museu 

O secretário disse que, devido à procura pelos tapetes fora do período de festas, a Secretaria Municipal de Turismo planeja montar uma espécie de museu, em os visitantes poderão conhecer a história da festa por meio de fotos e objetos. A proposta inclui a possibilidade de confeccionar um tapete no local.

Para o presidente do colegiado, deputado Torino Marques (PSL), o museu fomentará o turismo da região: “Castelo tem um potencial turístico maravilhoso, com opções de diversão, cultura e lazer durante todo o ano. A criação do museu de Corpus Christi, com a possibilidade de o visitante confeccionar a peça artesanal, levará ainda mais pessoas ao município”, afirmou.

Pontos turísticos

Claure ainda falou sobre as inúmeras opções de visitação encontradas em Castelo, que abriga dois parques estaduais: Forno Grande e Parque das Flores. O secretário ainda citou a rampa de voo livre e a Fazenda do Centro, onde, segundo ele, desenvolveu-se a colonização espiritossantense pelos jesuítas.

“Além da festa de Corpus Christi, Castelo tem atrações que agradam todos os tipos de público e uma população que tem prazer em preparar a cidade e receber os visitantes”, disse.

A presidente da BBTUR/ES, Berenice Tavares, falou sobre a importância de fomentar o turismo de contemplação: O turismo não depende apenas de datas festivas. Castelo tem lugares belíssimos e é necessário divulgar mais as belezas da paisagem naquela localidade para que o turista que visita a festa se interesse em voltar para explorar as belezas da região”, disse.

Calendário estadual

A representante da Secretaria de Estado de Comunicação Social (Secom) Kenia Gava participou da reunião e informou que o evento, que já faz parte do calendário estadual, pode entrar no planejamento do turismo religioso do Espírito Santo.

“É uma festa muito conhecida e que já faz parte das tradições capixabas. A intenção do governo do Estado é incluí-la no roteiro de turismo religioso do Espírito Santo”, disse.

Além de Torino Marques, participaram da reunião os deputados Carlos Von (Avante) e o Delegado Danilo Bahiense (PSL).

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.